Expressamente proibida a reprodução, edição, transformação parcial ou integral das imagens ou textos aqui expostos. (Lei9610/98,art.5º,inc.Vlll) Copyright 2010©.Todos os Direitos Reservados.

sábado, 10 de junho de 2017

Hoje eu acordei pensando em você...

Hoje eu acordei pensando em você...
E a saudade bateu forte, saudade de você, saudade de nós dois, das coisas boas e prazerosas que costumávamos fazer juntos.
Lembro de você, meu eterno namorado.
Ao te conhecer nossos olhares se cruzaram, senti meu coração bater forte de amor.
Nosso primeiro beijo, nossa primeira vez. Estávamos tão apaixonados que nada importava, nem a nossa idade, pois éramos duas crianças.
Nossos planos, nossos sonhos que vieram ao nosso encontro e nos unimos. Mesmo com todas as dificuldades que a vida nos dá, o amor nos fazia felizes.
O amor nos aproximava cada vez mais.
Nossa! E a emoção de termos nossos filhos?
Este amor que começou na juventude e se transformou no decorrer do tempo, um amor maduro, amigo, confiante e leal.
A cumplicidade na vida, nos aproximando cada vez mais.
A felicidade de ter uma família unida, filhos maravilhosos que foram regados com amor de Deus e nosso amor.
Quando a gente achava que não precisava de mais nada, eis que surgi nossos netos Isis e Davi, para iluminar nossas vidas. E depois chegaram Beatriz e Lara que você não conheceu, mas que olha por elas aí do céu.
O tempo passou tão depressa desde que você foi morar com Deus
Desde então saudade mora em mim...
Ela não machuca mais, ela trás as lembranças de dias felizes.
O tempo não apagou o seu sorriso, nem o brilho do seu olhar.
Encontro você todos os dias, no jeito de ser de nossos filhos e de nossos netos.
Encontro você nas estrelas que brilham no céu.
Encontro você nos meus sonhos, e vivo em meu coração.
Nada pode apagar nossa história. A saudade é muita, as lembranças de nossos dias juntos são maiores ainda. Sempre envio beijos através do vento para que chegue até o céu. Sei que um dia vou te encontrar, enquanto não chega esse dia só me resta fechar os olhos e sonhar com você 
Fique em paz
Amamos você
Jô Andrade


sexta-feira, 9 de junho de 2017




Marcas do tempo... 



Dei uma volta no shopping para comprar uma roupa pra mim.
Antes qualquer roupa ficava bem, hoje preciso ser mais discreta, pois o corpo já não é mais o mesmo, o número do manequim cresceu uns dois ou três...
Pra começar tenho que escolher um vestido que me deixe magra e jovem... e quando você experimenta , acha que não veste bem e que te engorda e vai colocando uma roupa atrás da outra.De repente  caio na risada.
O tempo passou e como passou, ele é implacável, ele está no corpo, na pele, nos cabelos que teimam em ficar brancos e na vontade de ser, de sonhar e na maioria das vezes de amar.
Mas ainda sou aquela menina que brincava de boneca, sou aquela que deu seu primeiro beijo no portão de casa, aquela virgem sonhadora que entrou na igreja, vestida de branco, para um casamento que anos.
Também aquela mãe aflita com a primeira febre do filho. E aquela avó que chorou de emoção ao se tornar avó.
Acho que é por isso que engordei, para caber tanta gente, é preciso espaço! Nada fazia mal ou engordava, hoje não pode comer isso ou aquilo, que sobe o colesterol, a pressão arterial (come-se verduras, legumes, vegetais e mesmo assim, o ponteiro da balança não mexe).
Aí, dizem que precisamos fazer caminhada, academia, pra fortalecer os ossos, emagrecer e ter mais saúde...
Não me sinto diferente do que era há alguns anos, continuo tendo sonhos, dar risada quando ouço uma piada.
Sou sábia e amorosa e guardo em meu coração desejos mais ocultos.
Mudei um pouco de mim. Onde passei e por onde andei, foi à vida que me ensinou
 Tenho marcas do tempo, claro, e não somente rugas e os quilos a mais, mas também cicatrizes e muitas aprendizagens


terça-feira, 9 de maio de 2017

SAUDADE DE VOCÊ




Estou com tantas saudades...
Saudades de você...
De sua voz...
De seus olhos...
O tempo passou tão depressa desde que você foi morar com Deus
Desde então saudade mora em mim...
Ela não machuca mais, ela trás as lembranças de dias felizes.
O tempo não apagou o seu sorriso, nem o brilho do seu olhar.
Encontro você todos os dias, no jeito de ser de nossos filhos e de nossos netos.
Encontro você nas estrelas que brilham no céu.
Encontro você nos meus sonhos, e vivo em meu coração.
Estou com saudades,
De seu cheiro, seu abraço!
Saudades de seu amor
De seu carinho...
Saudades, que sei, é só minha
Essa saudade que trás coisas boas que ficam guardadas no fundo do peito.
 Às vezes aperta, mas não dói mais.


terça-feira, 25 de abril de 2017

HOJE É DIA DO AMOR

Pra falar do amor II

Não é preciso estar amando para escrever sobre o amor.
Não é preciso estar sofrendo para escrever sobre a dor ou sobre a saudade.
O amor nasce em mim, nasce em você.
Este sentimento é o a maior verdade da vida.
Que muitas vezes faz perder a razão, nos fazendo sonhar, flutuar...
Outras vezes nos fazem chorar e sofrer.
Tantas outras vezes amamos sem ser amado.
Ah! O amor vence barreiras, desafios e faz o coração disparar.
A vida fica muita mais bela.
O mundo talvez esteja virado do lado contrário e ainda não percebemos.
Porém o amor consegue resistir a qualquer mundo, que gira pra lá ou pra cá.
O amor está na vida, está na natureza, está em Deus.
Impossível quem não sonhe com o amor.
É o amor que nos da força para continuar a viver.
Que posso hoje ser melhor que ontem.
Que posso conquistar caminhos novos.
É o amor que renova a vida.
Que entra na sintonia com deus numa ligação única.
Quando há amor o brilho das estrelas é mais intenso.
O perfume das flores mais ousado.
Quando há amor sorrimos sem motivos.
O amor é de graça, não tem regulamento, é sem regras.
Não importa como amamos ou de que forma ele é.
O amor não tem idade, seja amor a 1ª vista ou não.
O amor é amor e pronto, seja perto ou distante.
Que possamos amar sem medo, sem mistério e sem vergonha.


quinta-feira, 20 de abril de 2017

Trem bala

Não é sobre ter
Todas as pessoas do mundo pra si
É sobre saber que em algum lugar
Alguém zela por ti
É sobre cantar e poder escutar
Mais do que a própria voz
É sobre dançar na chuva de vida
Que cai sobre nós

É saber se sentir infinito
Num universo tão vasto e bonito
É saber sonhar
E, então, fazer valer a pena cada verso
Daquele poema sobre acreditar

Não é sobre chegar no topo do mundo
E saber que venceu
É sobre escalar e sentir
Que o caminho te fortaleceu
É sobre ser abrigo
E também ter morada em outros corações
E assim ter amigos contigo
Em todas as situações

A gente não pode ter tudo
Qual seria a graça do mundo se fosse assim?
Por isso, eu prefiro sorrisos
E os presentes que a vida trouxe
Pra perto de mim

Não é sobre tudo que o Teu dinheiro
É capaz de comprar
E sim sobre cada momento
Sorriso a se compartilhar
Também não é sobre correr
Contra o tempo pra ter sempre mais
Porque quando menos se espera
A vida já ficou pra trás

Segura teu filho no colo
Sorria e abrace teus pais
Enquanto estão aqui
Que a vida é trem-bala, parceiro
E a gente é só passageiro prestes a partir

Laiá, laiá, laiá, laiá, laiá
Laiá, laiá, laiá, laiá, laiá

Segura teu filho no colo
Sorria e abrace teus pais
Enquanto estão aqui
Que a vida é trem-bala, parceiro
E a gente é só passageiro prestes a partir


Ana Vilela

Bem assim

quarta-feira, 19 de abril de 2017

Essência da vida



O tempo é precioso e não volta atrás,
Por isso não vale chorar o passado
O importante é construir o futuro,
Mesmo que encontre pedras pelo caminho
Aprender que devemos vencer o medo
De partir em busca dos nossos sonhos
Aprender como é bom ter amigos
Aprender que a alegria alivia a tristeza
Aprender que é preciso chover,
Apesar de o sol iluminar o dia
E a lua brilhar a noite
E que amar é essência da vida

quarta-feira, 12 de abril de 2017

Por que a gente esconde a dor?






Durante algum tempo tentei me manter afastada das palavras, das letras, da escrita, por que meus dias andaram meio nublados .
E  não queria passar esses sentimentos nada confortáveis para as palavras. Não queria um texto melancólico, nem poemas de amor com saudade, mas por que fugir? 
Por que me esconder e tentar passar a imagem do tudo bem e força um sorriso, se na realidade eu não sentia isso?
Por que a gente esconde a dor? Por que só transparecemos a alegria?
Eu sou normal, eu erro, eu acerto, eu caio, eu levanto, eu choro, eu sorrio, sinto dor e amor, sinto raiva e medo, eu canto, eu danço...
Gosto de música, as palavras me encantam, eu choro lendo, eu sou carinhosa, mas não consigo fazer mal a ninguém, eu me preocupo em fazer com que as pessoas em volta de mim se sintam bem
É preciso dor, para aprender com as lágrimas.
É preciso às pedras, pra construir meu caminho.
Foi imprescindível a fé, para que eu, não perdesse a esperança.

Dentro de mim carrego o muito que vivi e o pouco que conheço. E às vezes tenho a sensação de que não caibo dentro de mim, por isso tento levar pra fora todos meus eus e posso ser várias, aos meus olhos ou aos seus, mas a essência é uma só, e essa sim, não muda nunca.

terça-feira, 11 de abril de 2017




Quando resolvi fazer meu blog, queria que fosse uma espaço de amor, amizade e vida. Na época postei um pensamento que era minha cara.

"A vida se renova a cada instante e o coração também. A felicidade me é bem vinda quando faço outras pessoas felizes , quando rio de mim mesma. A vida me leva para um milhão de caminhos novos, sempre movida pelo desafio de renascer a cada dia e fazer meu sonho brilhar"

Nessa minha releitura vi como eu tinha mudado, já não sou a mesma pessoa que  achava que a vida se renova a todo dia, e também renascia a esperança de ver sonhos acontecerem.
O  tempo passou e as coisas continuaram acontecendo de uma maneira diferente. A felicidade  deixou de existir , parei de sorrir de mim mesma.
   Então comecei a remendar retalhos que encontramos nos capítulos da página de nossa vida, ter uma vida de verdade é sorrir, mesmo que vier a chorar, é ser alegre mesmo que a tristeza teime em ficar, é correr atrás de cada dificuldade buscando um novo amanhã.
Quando nos entregamos à vida é preciso saber que ela poderá ter momentos de tristeza ou de alegria, cheia de luz, cheia de paz...

segunda-feira, 10 de abril de 2017

Releitura

Depois de muito tempo resolvi fazer uma visita no meu blog. 
Senti uma saudade imensa de tudo aquilo que escrevi e postei.
Fiz uma releitura de minha vida. Percebi que existe espaço para tudo e para todos.
È preciso saber o que quer, saber onde quer chegar e força de vontade para buscar sempre.
Claro que meus planos de como seria minha vida na terceira idade foram modificados.
Eu planejava na minha juventude que após nossa aposentadoria, minha e do meu marido, teriamos uma vida cheia de passeios e viagens para curtir, para namorar, para talvez dançar, não ter compromisso com horário, trabalho, etc.
Mas quem sabe de nossa vida é Deus.
Pois é meus planos tiveram mudanças. Demorou para cair a ficha.
Fiquei perdida e sem saber pra onde ir, sem saber o que fazer e como fazer.
Eu não podia imaginar as coisas que me aconteceriam,O início foi incerto, confuso e incomum.Algumas coisas ainda continuam dificieis .
Algumas coisas consegui manter e realizar como acordar tarde, viver sem compromisso de horário.
Fiz algumas viagens, que aliás adorei, pois viajei de avião pela primeira vez da vida, conheci a neve e realizei  sonho de fazer um cruzeiro.
Ainda não tive coragem e inspiração para escrever poemas, mas chego lá  
Mas como dizem por aí ...a vida continua.
Continua com a familia, continua com amigos.
Renasço a cada dia com o abraço de meus filhos
Renasço com o sorriso de meus netinhos.

Viver é somar hoje, amanhã e recomeçar sempre!




Cada dia é uma nova oportunidade, cada hora é uma nova linha...
Você escreve, reescreve, vive, revive cada emoção que a vida tem para apresentar diante dos seus olhos...
Aproveite a vida, que é uma eterna roda viva! De repente o inesperado acontece e tudo muda.
Quando você menos espera o tempo que você achava muito... Esse tempo se acaba.
Construa sua vida, Aprenda a viver, fazendo o necessário pra ser feliz
Mudança, distância, idas e vindas, faz parte da vida...
Ame pra valer, seja tudo, ou seja, nada. Ensine o que sabe e espalhe coisas boas que aprendeu.
Deus nos da todos os dias a oportunidade de tentarmos de novo
E fazermos tudo melhor que ontem. Não se preocupe com os riscos...
Ele sabe o que é melhor. Cada dia uma nova vida. Cada dia um novo sorriso
Cada dia uma nova conquista.
Talvez a vida seja isso, a cada passo que damos pra frente deixamos milhares de coisas pra trás e buscamos novos passos, novos sonhos...

“O correr da vida embrulha tudo.
A vida é assim: esquenta e esfria, 
aperta e daí afrouxa, sossega e depois desinquieta.
O que ela quer da gente é coragem” (João Guimarães Rosa)



quarta-feira, 19 de novembro de 2014

quinta-feira, 28 de agosto de 2014

sexta-feira, 8 de agosto de 2014

Saudade...Só um pouquinho
Um pouquinho o tempo todo
Saudade sempre dá, mas a gente disfarça,
Finge que está tudo bem, onde quer que eu vá, onde quer que eu esteja 
Acostumei tanto a pensar em você , quando não penso parece que esqueci alguma cosa 
Ainda que o tempo passe eu continuo com você em meus pensamentos
Queria estar com você agora, segurando sua mão e olhando o seu sorriso.
Você deixou  mais que saudades e lembranças, ... levou uma parte do meu coração!

quinta-feira, 7 de agosto de 2014

sábado, 24 de maio de 2014

Tentando ser corajosa

Recebi de uma amiga o seguinte texto:
Eu estava lendo: 30 coisas que você deve fazer a si mesmo, então uma delas:

Comece a dizer mais como você se sente
Se você está sofrendo, dê a você mesmo o espaço e o tempo necessário para se sentir a dor, mas esteja aberto sobre isso. Converse com as pessoas mais próximas a você. Diga-lhes a verdade sobre como se sente. Deixe-os ouvir. O simples ato de desabafar é o seu primeiro passo para se sentir bem novamente.
 
Estou precisando fazer isso urgente, depois da morte de meu marido meu coração fechou a ser espontânea, falar de mim, chorar por mim, e o pior disto tudo me deixou com medo de viver, pensamentos ruins.
Sempre fui corajosa, uma mulher forte que corre atrás daquilo que quer, resolvendo e ajudando todos a sua volta.
Quando me vi só, percebi que um lado meu, que me apoiava, me escutava não estava mais, aí me senti vulnerável e sozinha, mesmo tendo meus filhos do meu lado.
Sabe aquela troca que a gente tem com o companheiro de todos os momentos? Vi-me sem ter com quem compartilhar.
E o medo? Fiquei medrosa em relação a tudo a minha volta, sem vontade de sair, sem vontade de me divertir. Eu preciso voltar a viver, eu preciso voltar a ser corajosa, valente e a sorrir pra valer.

  

sábado, 17 de maio de 2014

TOMANDO CORAGEM

QUE NINGUÉM ME OUÇA

O dia amanheceu mais frio, bem é outono...
Que ninguém me ouça...  Mas o tempo passa e como passa.

Quando jovem eu achava que jamais aconteceria . As mulheres comentavam entre sí sobre o assunto e eu jamais pensei que pudesse acontecer comigo a mesma coisa.
Impossível dizia eu . No sentido figurado da vida, hoje eu conjugo o verbo no passado e no presente. Antes era conjugado no presente e no futuro. 
Quando somos jovens achamos que tudo é possível.
Simplesmente não pensava que o tempo passaria para mim como passa para qualquer pessoa, tem coisas que não depende de querer.Não pensamos no futuro desse jeito, vivemos o presente sem lembrar do passado.Olha que eu tento não pensar nisso. É mais forte que eu. 
Em minhas lembranças vem com saudade daquele tempo que quando jovem nos apaixonamos, nosso coração bate mais forte, o ar chega a faltar quando pensamos na pessoa amada.Sem ao menos esperar o amor chega e toma conta do coração.
Falando um pouco sobre o amor 17/05/2014

sexta-feira, 16 de maio de 2014

Hoje  senti que precisava mudar meu jeito de postar, de expor meus pensamentos.
Adoro escrever poemas, textos e crônicas.Ultimamente tenho criado muito pouco, pois minha inspiração está voltada para saudade, lembranças, e isso faz com que escreva textos tristes e dolorosos.
Estou tentando reviver e buscar um novo sentido para minha vida.Acho que vou conseguir, eu preciso ser forte e encontrar um caminho sem pensamentos tristes e coração magoado.
Primeiro dia de coragem para escrever sobre mim. 16/05/2014

sábado, 25 de janeiro de 2014

Viver é dançar na chuva tendo a certeza da chegada do arco íris.




Viver é ter ousadia e muitas aventuras, com a expectativa da descoberta e que ainda está por vir.
Para viver é preciso ter sentimentos e compartilhar com outras pessoas. É preciso pensar e repensar, viver e compreender.
Viver é remendar retalhos que encontramos nos capítulos da página de nossa vida, ter uma vida de verdade é sorrir, mesmo que vier a chorar, é ser alegre mesmo que a tristeza teime em ficar, é correr atrás de cada dificuldade buscando um novo amanhã.
Quando nos entregamos à vida é preciso saber que ela poderá ter momentos de tristeza ou de alegria, cheia de luz, cheia de paz...
Viver o hoje com olhos cheios de esperança e com o coração cheio de amor, estar preparado para voltar ao ontem sem temer o futuro.
Viver é dançar na chuva tendo a certeza da chegada do arco íris.
Talvez a vida seja isso, a cada passo que damos pra frente deixamos milhares de coisas pra trás e buscamos novos passos, novos sonhos.

quinta-feira, 16 de janeiro de 2014

Um dia estaremos juntos

Engraçado sempre achei , sei lá, que escrever um diário ou qualquer coisa parecida era coisa de jovem. Mas existem coisas que não conseguimos falar para alguém seja seu amigo ou amigo, filhos, pais, etc.
Sentimentos que estão em nossa vida, coisas que se passou, coisa que aconteceram. Agora que vivo só, às vezes me pego falando sozinha, fazendo observação sobre algum programa ou filme na tv, claro sem obter resposta daquilo que estou questionando e muitas vezes começo a dar risada.
O mês de dezembro sempre foi muito importante na minha vida, por ser Natal e também pelo meu aniversário e do meu avô Natal, as festas eram muita comemoradas tanto o dia de Natal como o dia de ano.
Lembro com o se fosse hoje, a família toda reunida, tias, tios e primos de vários lugares a casa de minha avó ficava cheia de gente, criança correndo para todo lado. Naquela época não tinha ceia de Natal, a gente ia dormir cedo, mas antes colocávamos o sapato na janela esperando pela visita de papai Noel trazendo nosso presente pedido pela cartinha, que minha mãe escrevia  comigo e minha irmã. Nem sempre ele trazia o presente desejado, mas a alegria era tanta de ver um pacote na arvore de natal que até esquecíamos o presente desejado. Nesta época vida de meus pais era muito difícil, sem condições para comprar presentes caros. Quando eu tinha oito anos eu pedi uma bicicleta de duas rodas sem saber quanto custava. Meus pais compraram uma bicicleta usada, mas em bom estado, meu pai pintou da cor vermelha que eu queria, ficou linda e novinha e meu coração quase explodiu de tanta felicidade.
Coisas importantes aconteceram no mês de dezembro, comecei a namorar o José Horácio no dia 10 de dezembro de 1966, eu já o conhecia de vista, toda vez que eu ia para a escola de corte e costura, ele vinha para casa almoçar e assim cruzávamos o mesmo caminho e olhares, sem saber que éramos quase vizinhos, morávamos na mesma rua em quarteirões diferentes. Éramos sócios do mesmo clube sem nunca termos nos visto. Até que aconteceu um baile pré-carnaval e nos encontramos e começamos a namorar (naquele tempo não ficava) namorava-se, ficava noivo e casava.
Como eu dizia, as coisas importantes continuaram a acontecer em dezembro, casamos um ano depois no dia 23 de dezembro em 1967, o dia mais feliz de nossas vidas.
Obrigada Deus por ter me dado 45 anos de casamento feliz e completo sou uma mulher de sorte, deu-me a felicidade de tê-lo ao meu lado minha vida toda e sempre estarmos juntos, meu primeiro e único amor, curtindo cada dia, cada minuto. Guardo na lembrança e no coração momentos vividos com você. Este amor que começou na juventude e se transformou no decorrer do tempo, um amor maduro, amigo, confiante e leal, a cumplicidade na vida, este amor que se completou com a vinda de nossos três filhos.
Este amor que juntos vimos nossos netinhos nascerem e renovar em nós a alegria de sermos crianças novamente e fortaleceu mais o amor de nossa família. Um amor que amadureceu com o tempo, nos fazendo companheiros e cúmplices de toda uma vida.
Um dia estaremos juntos novamente...

quarta-feira, 11 de dezembro de 2013





Viver é somar hoje, amanhã e recomeçar sempre!


Cada dia é uma nova oportunidade, cada hora é uma nova linha...
Você escreve, reescreve, vive, revive cada emoção que a vida tem para apresentar diante dos seus olhos...
Aproveite a vida, que 
é uma eterna roda viva! De repente o inesperado acontece e tudo muda.
Quando você menos espera o tempo que você achava muito... Esse tempo se acaba.
Construa sua vida, Aprenda a viver, fazendo o necessário pra ser feliz
Mudança, distância, idas e vindas, faz parte da vida...
Ame pra valer, seja tudo, ou seja, nada. Ensine o que sabe e espalhe coisas boas que aprendeu.
Deus nos da todos os dias a oportunidade de tentarmos de novo
E fazermos tudo melhor que ontem. Não se preocupe com os riscos...
Ele sabe o que é melhor. Cada dia uma nova vida. Cada dia um novo sorriso
Cada dia uma nova conquista.
Talvez a vida seja isso, a cada passo que damos pra frente deixamos milhares de coisas pra trás e buscamos novos passos, novos sonhos...

“O correr da vida embrulha tudo.
A vida é assim: esquenta e esfria,
aperta e daí afrouxa, sossega e depois desinquieta.
O que ela quer da gente é coragem” (João Guimarães Rosa)

domingo, 24 de março de 2013

A palavra de ordem é: amar, amar e amar.



Um dia ao olhar no espelho percebi esta chegando à terceira idade! Tomei um susto danado! Cheguei tão devagarzinho e nem percebi.
Hoje me peguei lendo textos para a terceira idade e percebi que este título “terceira idade” é somente um nome dado aos jovens maduros.
Pela minha mente ainda sou adolescente até mais que antes, me sinto ainda uma criança quando brinco de casinha com minha netinha e jogo bola com meu netinho.
Construo novas formas de expressar o gosto pela vida, não importa a idade que tenho, não perco a alegria de viver a vida. É tempo de fazer novas descobertas, novas pessoas, novos ares.
A vida é feita de surpresas, o tempo é uma coisa que não permite voltar, aproveito cada segundo de vida, pra ficar guardado eternamente em minha memória.
Erro muito, mais também acerto e aprendo que tenho que aceitar cada um como é. E que ninguém é melhor do que ninguém nessa vida.
Descobri o quanto é bom ser eu mesma, sou o que quero ser, porque possuo apenas uma vida e nela só tenho uma chance de fazer o que quero.
Dou muita risada, durante muito tempo e alto. Também choro muito e nada fica entalado.
Estou sempre perto de quem amo, a palavra de ordem é amar, amar, amar...
Minha maior riqueza é dar a mim mesma o tempo de viver com alegria.
A arte de envelhecer é um presente que Deus dá a quem sabe envelhecer
Como diz o salmo 89, v.12:
"Ensina-nos Senhor há contar nossos dias para que alcancemos o saber do coração."

Pra falar do amor




Não é preciso estar amando para escrever sobre o amor.
Não é preciso estar sofrendo para escrever sobre a dor ou sobre a saudade.
O amor nasce em mim, nasce em você.
Este sentimento é o a maior verdade da vida.
Que muitas vezes faz perder a razão, nos fazendo sonhar, flutuar...
Outras vezes nos faz chorar e sofrer.
Tantas outras vezes amamos sem ser amado.
Ah! O amor vence barreiras, desafios e faz o coração disparar.
A vida fica muita mais bela.
O mundo talvez esteja virado do lado contrário e ainda não percebemos.
Porém o amor consegue resistir a qualquer mundo, que gira prá lá ou prá cá.
O amor está na vida, está na natureza, está em deus.
Impossível quem não sonhe com o amor.
É o amor que nos da força para continuar a viver.
Que posso hoje ser melhor que ontem.
Que posso conquistar caminhos novos.
É o amor que renova a vida.
Que entra na sintonia com deus numa ligação única.
Quando há amor o brilho das estrelas é mais intenso.
O perfume das flores mais ousado.
Quando há amor sorrimos sem motivos.
O amor é de graça, não tem regulamento, é sem regras.
Não importa como amamos ou de que forma ele é.
O amor não tem idade, seja amor a 1ª vista ou não.
O amor é amor e pronto, seja perto ou distante.
Que possamos amar sem medo, sem mistério e sem vergonha.

segunda-feira, 14 de janeiro de 2013

segunda-feira, 17 de dezembro de 2012

É NATAL






Estamos a poucos dias de comemorarmos a data que deveria ser o maior acontecimento dos tempos: o nascimento de Jesus. 
E em nossos corações a esperança toma vida esperando por um tempo melhor.
É tempo de festa e união é chegado o momento de mais uma vez refletirmos sobre o mundo em que vivemos, de buscar a paz dentro de nossos corações e a nossa volta.
Vamos festejar o Menino Deus com alegria
Jesus veio ao mundo para que nossa visão de vida ganhasse um novo sentido de esperança, de bondade e amor. 
Veio nos ensinar que devemos estender nosso olhar para além do que conseguimos enxergar. 

Jesus trás a certeza de um amanhã num mundo cheio de alegria, dando força e fé em nossa vida.
Neste Natal deixe a magia tomar conta do seu coração.
Abra os olhos para novos projetos e novos sonhos, permitindo que a alegria e a felicidade estejam presentes ao longo  de 2013

felicidade



sábado, 20 de outubro de 2012

quarta-feira, 17 de outubro de 2012

Crescer



Eu cresço...
Quando me esqueço do medo e enfrento a vida,
Buscando sempre um caminho a seguir.

Para refletir


E a família?
Cada vez mais tenho percebido que a falta de tempo das pessoas em se relacionar umas com as outras. A pressa tomou conta, esquecemos como é boa a vivência em comunidade familiar. Não há espaços nem para quem poderia ter a primazia sobre ele, como idosos, gestantes e pessoas especiais. O que vale é o bem-estar próprio esquecendo-se do bem-estar coletivo. Cada qual olhando para o seu próprio umbigo.
 Questiono sobre as possíveis falhas educacionais da família. É absurdo atribuir ao estado à função de educar, uma vez que a educação vem do berço, isto é, vem da família.
Com a desculpa da falta de tempo esquecemos nossos lares e nossas famílias estão se destruindo. A família vem caindo em desuso, coisa ultrapassada, caretice.
Acho que a família está em crise como o tempo que passa depressa demais. Vivemos correndo quase sempre por nada, como se o tempo fosse esgotar a vida. A sociedade está em constante mudança. Com toda esta mudança ocorrida, muitas coisas se perderam. É normal haver mudanças e são bem vindas desde que não abandonemos os verdadeiros valores.
Nenhuma família se mantém se não houver amor, união e respeito 

quarta-feira, 10 de outubro de 2012

Mensagens que faz o coração sorrir




Aprendizagem


Nunca digo que algo é impossível, as coisas são no máximo improváveis. 
Mas nunca são impossíveis. Não desisto antes de tentar e se me arrepender de algo, não vou arrepender-me do que fiz e sim do que deixei de fazer.
Porque tentar e errar, é ao menos aprender. Não desperdice nenhuma chance da sua vida, afinal a sorte não bate todo dia à sua porta.
De uma forma positiva, aprendi que não importa o que aconteça ou quão ruim pareça o dia de hoje, a vida continua, e amanhã será melhor.
Aprendi que sempre que decido algo com o coração aberto, geralmente acerto.
Aprendi que diariamente preciso de um toque de carinho, um abraço afetuoso ou um aperto de mão.
Aprendi que a vida, sempre nos dá uma segunda chance.
Aprendi que ainda tenho muito que aprender.

Pequenas coisas





A busca de novos sonhos, nem sempre está ao meu alcance, mas tento e muitas vezes consigo fazer pequenas coisas de forma grandiosa tornando meus sonhos realidade.

sexta-feira, 8 de junho de 2012

Sonhe sem medo






Aproveite o tempo que você tem
Lembre-se que o tempo não espera por ninguém
Aprenda a cada dia, que hoje você sabe mais que ontem e muito menos que amanhã.
Faça da esperança o motor que alimenta sua vida e que hoje é mais um dia para aprender ser melhor que ontem.
Muitas vezes a gente acha que o mundo está em preto e branco ou de cabeça para baixo.
Quando isto acontecer feche os olhos e pinte o mundo de todas as cores do arco-íris.
Tenha os pés na terra e a cabeça nas estrelas e sonhe sem medo; seja idealista e transforme seus sonhos em metas.
Aprendi que ainda tenho muito que aprender.
Aprendi que viver é desenhar sem borracha
Viver bem a vida é amar as pessoas de todas as formas,
É um detalhe que faz toda diferença
A vida não está amarrada com um laço, mas ainda é um presente.

domingo, 20 de maio de 2012

CARTA DE UMA MÃE PARA SUA FILHA.





CARTA DE UMA MÃE PARA SUA FILHA.




Minha querida menina, no dia que você perceber que estou envelhecendo, eu peço a você para ser paciente, mas acima de tudo, tentar entender pelo o que estarei passando.
Se quando conversarmos, eu repetir a mesma coisa dezenas de vezes, não me interrompa dizendo:
“Você disse a mesma coisa um minuto atrás”. Apenas ouça, por favor. Tente se lembrar das vezes quando você era uma criança e eu li a mesma história noite após noite até você dormir.
Quando eu não quiser tomar banho, não se zangue e não me encabule. Lembra de quando você era criança eu tinha que correr atrás de você dando desculpas e tentando colocar você no banho?
Quando você perceber que tenho dificuldades com novas tecnologias, me dê tempo para aprender e não me olhe daquele jeito...lembre-se, querida, de como eu pacientemente ensinei a você muitas coisas, como comer direito, vestir-se, arrumar seu cabelo e lhe dar com os problemas da vida todos os dias...o dia que você ver que estou envelhecendo, eu lhe peço para ser paciente, mas acima de tudo, tentar entender pelo o que estarei passando.
Se eu ocasionalmente me perder em uma conversa, dê-me tempo para lembrar e se eu não conseguir, não fique nervosa, impaciente ou arrogante.
Apenas lembre-se, em seu coração, que a coisa mais importante para mim é estar com você.
E quando eu envelhecer e minhas pernas não me permitirem andar tão rápido quanto antes, me dê sua mão da mesma maneira que eu lhe ofereci a minha em seus primeiros passos.
Quando este dia chegar, não se sinta triste. Apenas fique comigo e me entenda, enquanto termino minha vida com amor. Eu vou adorar e agradecer pelo tempo e alegria que compartilhamos. Com um sorriso e o imenso amor que sempre tive por você, eu apenas quero dizer, "eu te amo minha querida filha”.




(Fonte: Spring in the Air)